Pages

25 de jan de 2010

Como Icarus...

A caminhos que me levam a perceber minha fragil mortalidade a entender que apesar de minas enormes vontades e possibilidades ainda persisto a ausência que tua alma faz a minha, poderia apenas fechar meus olhos e não ouvir tua voz a me chamar de chato e deprimido, bom talvez eu seja...
Entendo meu universo como o unico lugar seguro para onde sempre posso voltar, lugar de paz onde meus pensamento turvos pela falta de um coração que ha muito cansado e deixei pelo caminho. Agora posso penser em nós dois como um sonho bom que nunca deveria ter acontecido, porque de fato sou apenas humano e assim não posso tocar o cêu...
Como Icarus eu quiz beijar o sol, assim pude dentro dos teus olhos entender que a vida pode ser melhor, mas como ele fui atirado a dura realidade de um chão de fraquezas e impossibilidades impostas por mim ao que se chama felicidade...
Não quero ser apenas mais um cavaleiro perdido por fantasmas do passado, nunca me arrependi de nenhuma batalha, mas te digo agora nossa vida deveria ter sido diferente, deveriamos ter nos conhecido antes, a imortalidade de nossos pensamento deveria prevalecer, mas que graça teria a batalha se assim o fosse, por fim em meu ultimo suspiro deixo com um ainda te amo em meus lábios...

Entre na comunidade do Castelo Templario: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=97960737 , seja mais um coração nessa bataha que é viver...

0 comentários:

Postar um comentário