Pages

17 de fev de 2010

Encontro a luz...

A vida sempre me mostra caminhos mesmo que eu possa parecer desiludido. por sombras caminhei por tempo de mais, mas do que eu posso contar, e agora encontro luz ao fim do tunel que se transformou minha existência. O escuro fica menos escuro e em fim posso respirar de novo pois sinto que algo de bom pode acontecer como desejava outrora apenas em devaneios.
As palavras por enquanto são nosso unico elo de ligação, mas que assim seja até você decidir me encontrar, eu estou aki de braços abertos para um final feliz, sou um cavaleiro que há muito vaga por vales e sombras e pode por fim descansar em teus braços doces e acolhedores onde te falarei de batalhas que me prepararam pra ti.
Estendo minhas mãos e quase posso te tocar, sou bravo, sou forte, mas tua lembrança me faz menino que sempre sonha mas um dia pode realizar. Se sou tolo, bom eu acho que sou mesmo, mas se a vida fosse apenas certezas que graça teria, prefiro a incerteza de um coração que pode vir a me amar que uma eternidade de respostas sem você, seja esse coração.
Termino minha breve prosa em meio a imaginações que me levam a ti, você está distante de meus olhos mas não por muito tempo, pois eu sei que uma hora vamos nos ver e em fim nada mais vai importar, dores e sombras eu deixo para trás enterradas no meu mais obscuro ser, fico com a alegria de te conhecer. Linda bem vinda a minha vida...
Bom dia amor...

0 comentários:

Postar um comentário