Pages

27 de fev de 2010

Vou voltar a caminhar...


Hoje sou poeira de estrelas que o vento levou, somos de fato a junção de partes pequenas que insistem em se juntar e passam a sua existência a se debater tentando se separar. Eu sou uma marca na arvoré da vida e estou disposto a continuar, mesmo que sangre todos os dias até me curar e vou continuar caminhando quando não houver mais forças e nem duvidas eu vou continuar...
A tristeza que invadiu e se instalou em minha alma só é substituida pela vontade desesperadora de tentar ser feliz, ainda sim fico aqui com olhar perdido e vazio por um tempo tentando me encaixar nesse novo mundo sem um amor para se guiar, mesmo assim eu vou continuar e continuar...
Parecer as vezes te custa um preço muito alto, eu sei já paguei por varias vezes com meu sangue. Vê-la seria doloroso demais e agora eu me resguardo a viver sozinho como das outras vezes que olhei para a vida e não via saida eu estou agora em suspenso, mas eu vou continuar caminhando até minhas pernas não aguentarem mais e ainda sim eu vou continuar...
Não posso ser diferente, nem me desligar queria poder mas não posso. Sigo assim pelas veredas da vida sendo eu mesmo, quebrando a cara quase sempre e me ferrindo pelo caminho mas eu vou superar so preciso curar minhas chagas e aplacar a tristeza que sinto com uma boa dose de álcool, para poder continuar a caminhar e quem sabe um dia minha caminhada me leve a algum lugar de verdade, onde o meu amor vai estar...
Caminhando só desta vez...

0 comentários:

Postar um comentário