Pages

25 de set de 2010

Minha outra metade, minha vida...

Sinto o som de tua voz entrar por meus ouvidos que ansiavam por isso,
sinto o teu cheiro a embebecer minha mente que desejavam isso,
sinto o gosto doce de teus labios a tocar os meus que sonhavam com isso,
Sinto a vida pulsar para fora do meu corpo, como se tivesse acabado de nascer.

Deixo por querer qualquer outra coisa que não seja você,
por que minha metade habita em ti,
meu coração e alma se unem aos teus para sermos um só,
assim sinto a vida pulsar para fora de mim, como se tivesse acabado de nascer.

Crio, invento, revivo e aprendo todas as vezes que te olho nos olhos,
sou apenas mais um bobo, neste mundo de bobos que anseia por viver,
assim sei que senti a vida em mim quando te conheci.
e ainda sinto pulsar para fora do meu corpo, como se tivesse acabado de nascer.

Não se pode querer outra coisa que não seja a felicidade,
por isso passamos a vida a vagar em busca de uma outra metade,
metade feliz de nos mesmos, que perdemos quando nascemos, eu há encontrei...
E hoje sinto a vida pulsar para fora de mim, como se tivesse acabado de nascer.
Nasci nos teus braços, quando senti teus labios tocarem os meus... Te amo Bia...s2

0 comentários:

Postar um comentário