Pages

13 de set de 2010

Você esta de volta...

Aos caminhos de um novo mundo, há sempre medo ou escuridão, as trevas que assustam o novo pensamento que surge, como desbravador cruzando o mar ou cavaleiro que espera escurecer de uma nova batalha, eu sigo esse instinto que manteve outros cavaleiros vivo no passado, um jovem cavaleiro como eu, inesperiente ainda, meio bobo quase atrapalhodo, outrora perdido ainda meio confuso com este novo mundo, sigo por este caminho.
Quando você me abriu o mundo, com um sorriso e um suspiro profundo era hora de acordar, não podia mais viver de batalhas, era hora de ter para quem voltar, chega de tantas incertezas, eu so tinha uma, será que poderias me amar, então meio perdido em frente a este abismo de incerteza, eu me atirei, esperando que teu coração me salvasse, la estava você com um sorriso mais lindo que ja vi, agora em segurança podia aos teus braços me soltar.
Por medos inumeros passei, as vezes ficava paralisado e me sentia apenas vazio, mas chega deste sentimento, sei que me amas, quando me olhar da canto de olho quando fazendo alguma coisa apenas paro e te olho de volta, neste momento não há palavras ou medos, apenas um amor profundo e verdadeiro, que me segue por onde quer que nos formos, sei que as vezes a insegurança me bate como o golpe de uma espada ate não me aguentar e cair...
Mas saber que quando levantar meu olhar sua mão estendida vai estar me dando força e o que falta de coragem para que eu possa seguir em frente, essa sensação não se pode comprar ou vender, saber e sentir-se amado é algo perfeito, divino e assim seguimos outrora apenas sozinho, agora juntos, de mãos dadas e as vezes de corpos separados, mas de almas unidas, por que o amor te uni em um laço invizivel e inquebravel que apenas Deus pode construir.
Bem vinda de volta amor, senti tua falta...

0 comentários:

Postar um comentário